28 de jan de 2015

Andressa Urach revela que fez pacto com pombagira para conseguir dinheiro e fama

Andressa Urach revela que fez pacto com pombagira para conseguir dinheiro e fama http://a.msn.com/07/pt-br/AA8FMd6


Modelo disse ainda que viu espíritos da morte no hospital.


Andressa Urach revelou que esteve muito perto da morte durante os 25 dias que passou internada no Hospital Nossa Senhora da Conceição, em Porto Alegre, no fim de 2014, após sofrer complicações causadas pela aplicação de hidrogel nas pernas.
Sensitiva, a vice Miss Bumbum 2012 garantiu que sentiu a presença de espíritos próximos a ela nos dias mais críticos.

“No hospital vi espíritos da morte querendo levar a minha alma. Eram a alma da morte. Eles me rondavam porque queriam a minha alma de qualquer jeito. Isso tudo porque eu não agradeci a Deus. Foi a fé da minha mãe, que foi um elo com Deus, que fez com que as almas fossem embora. Eu estava perturbada”, declarou ao “Ego”.

A modelo explicou ainda, em detalhes, como eram essas tais almas que a rondavam.

Atualmente com 6kg a menos, a loira contou também que sofreu uma sepse, seus rins pararam de funcionar e ela viu seu corpo inchado, com quase 150kg.

E ainda tem mais! Andressa admitiu ter vivido um passado pecaminoso. Além de ter usufruído, durante cinco anos, do trabalho de uma senhora para obter fama e dinheiro, ela ainda fazia pactos com orixás e uma pombagira.

“Tinha consulta com uma senhora que comandava um centro. Ela me dava banhos de perfume, de sal para me limpar. Pedia para os orixás tudo que queria: o sucesso, o bom carro, o apartamento, consegui tudo. Eu paguei muito caro por isso. A promessa que fiz com a minha pombagira na época foi que, para cada R$ 1 mil que eu ganhasse, eu daria uma champanhe a ela. Fora os R$ 5 mil da festa de final de ano do centro espírita que eu também dava. Para celebrar os trabalhos que conquistava na televisão, doava R$ 3 mil. Também fiz mal para algumas pessoas, fazendo trabalhos para elas se afastarem de mim. A senhora que comandava o centro dizia o nome da pessoa, e eu fazia o trabalho para mantê-la longe.”
Veja entrevista completa no link a baixo:


Fonte:

http://www.msn.com/pt-br/entretenimento/galeria/andressa-urach-revela-que-fez-pacto-com-pombagira-para-conseguir-dinheiro-e-fama/ss-AA8FMd6


Nota do Espaço do Ogã 

Fico entristecido com o relato da modelo Andressa Urach.

Primeiramente, revelou um suposto contato com espíritos, durante o leito de morte, onde não aproveitou esse momento, refletindo sobre sua vivencia e ações, visto que seus interesses e envolvimentos eram sempre voltados para a conquista do bem material.

Não existe anormalidade ou má fé, quando ativamos as forças da natureza para alcançar prosperidade, saúde e ou qualquer objetivo, mas o contexto dessa história é tudo aquilo que lutamos e combatemos para que não aconteça.

Com absoluta certeza, esse pacto com a senhora em troca de dinheiro e fama, não fora firmado com Orixás, Pomba Gira, e sim com espirito baixos e caídos.

Não foram mencionados nomes de religiões de matrizes africanas, mas as palavras Banhos, Limpezas, Centros, Orixás e Pomba Gira, são símbolos da nossa amada religião Umbanda e nossa irmã Candomblé.

Infelizmente, a modelo escolheu o caminho fácil e perigoso, seduzida por suas ilusões e ambições, e por afinidade aproximou-se da suposta senhora comandante de centro e por espíritos pouco iluminados e evoluídos.

Nunca percebi a pratica de cobrança de trabalhos espirituais nas casas que conheci. Sempre observei a pratica incessante da caridade e doação com o próximo, e bem estampado o ditado, “fazer o bem sem saber a quem”.

É fato que a modelo recorreu a pratica de trabalhos espirituais, mas não as praticadas numa gira, inseridos numa casa de luz, onde diariamente nos encontramos para rezar em buscar paz, serenidade e harmonia, onde esses benefícios condicionam o ser na busca da prosperidade e dentro do bom caminho.

Viver o bom combate, entender as próprias necessidades, sempre amparados por seres evoluídos, como nossas respeitáveis senhoras Pomba Gira, Pombo Gira, Bombo Gira e que fique bem claro que tais almas não são prostitutas, assim como figuram os desinformados.

Nossa religião e suas práticas ritualísticas são abertas e ofertadas a todos sem nenhum custo, apenas a ocupação do tempo de cada um, uma ou duas horas para rezar e consultar com os irmãos desencarnados, pois uma instituição idônea e responsável nunca se esconde através de ofertas e vantagens oferecidas em anúncios de jornais, panfletos e cartazes espalhados pelos muros e postes das cidades.

Minha tristeza é a confusão criada na entrevista com os Orixás e Espíritos evoluídos que cultuamos com os invocados nos trabalhos da modelo. São polos energéticos distintos entre o bem e o mal, positivo e negativo.

Se a modelo Andressa tivesse procurado orientações nunca casa de fé, teria alcançado seu sucesso profissional sem constrangimento moral.

Umbanda tem fundamento!
Umbanda é caridade!
Umbanda é Paz, Amor e Caridade!

Nenhum comentário:

Arquivo do Espaço

O que tem no Espaço!

Ponto de Caboclo Flecheiro

Ponto de Caboclo Flecheiro

Ponto de Cabocla Jurema

Ponto de Cabocla Jurema